3 dicas para não errar na seleção de um profissional

3 dicas para não errar na seleção de um profissional

Chegou a hora de delegar algumas funções e você vai contratar pessoas para sua equipe. Como fazer para não errar nesse momento decisivo? Jay Goltz, especialista em recursos humanos, lista três pontos essenciais a considerar:

1. Admissão – Dependendo do seu negócio, você precisa de um perfil muito específico para uma determinada função. E encontrar essa pessoa pode demorar. Goltz relata as dificuldades que teve para admitir um gerente de produção para sua empresa. Em quatro anos, dez pessoas passaram pela posição. Aos poucos, ele acabou percebendo que estava contratando de forma errada e que os funcionários não tinham o perfil que ele desejava.

O que pode ajudá-lo nesse momento é fazer uma lista de habilidades, características e valores que você espera de seu futuro empregado. Reflita sobre como descobrir as respostas para questões relevantes. Pode ser, por exemplo, fazendo o candidato responder a perguntas com a defesa de determinados valores morais etc.

2. Treinamento – Não basta simplesmente contratar alguém e deixá-lo à deriva em sua empresa. É preciso treiná-lo, mostrar a ele suas funções e responsabilidades. Goltz afirma que um consultor estratégico disse que seu erro nas contratações do gerente de produção estava no fato de esperar que ele fosse um CEO, e não um gerente de produção. Ninguém é capaz de saber o que está apenas na sua cabeça, especialmente se você não conversar com seus funcionários. Fale abertamente com eles, exponha seus desejos e deixe as portas abertas para o diálogo.

3. Tenacidade – Se você contratar mal e precisar demitir, faça uma reflexão sobre o que deu errado. Mas não desista. Você toma um tombo, se levanta e continua. Pode levar um tempo, mas certamente você encontrará exatamente o perfil que procura, ainda que para isso precise entrevistar dezenas de candidatos.

COMPARTILHE

COMENTAR

Deixe seu Comentário